[:pt]Ilhas[:]

Ilhas Para Relaxar No Brasil

Quem não gosta de uma boa praia, com um mar lindo e uma faixa de areia extensa para relaxar? O Brasil é rico em destinos que oferecem o cenário perfeito para aquelas viagens no estilo sol e praia, onde a sua única preocupação é aproveitar o melhor que a natureza tem para oferecer.

Nesse post separamos algumas ilhas que merecem a sua visita, então se você gosta de paisagens incríveis, sombra e água fresca esse conteúdo é para você!

Ilha de Fenando de Noronha/ PE

Fernando de Noronha, é um dos destinos mais cobiçados do Brasil! O arquipélago é formado por um conjunto de 21 ilhas e a principal possui 17km² de pura beleza!

Algumas de suas praias foram eleitas mais que uma vez como as mais bonitas do mundo, dentre elas a Baía dos Porcos e Baía do Sancho.

Noronha também é considerado um dos melhores destinos do mundo para prática de mergulho. A visibilidade, que pode chegar a 50m, permite ao mergulhador observar com muita facilidade uma das mais ricas biodiversidades marinhas composta por uma infinidade de peixes de recife, raias, tartarugas, pequenos tubarões, golfinhos, etc.

Na ilha o turista também encontra uma grande variedade de trilhas ecológicas muito bem sinalizadas, algumas delas só podem ser exploradas com acompanhamento de guias credenciados. Fazer um trekking por lá é um programa imperdível, porque além de se deparar com paisagens incríveis você também aprende mais sobre a região de uma forma imersiva.

Sem dúvida Noronha é um paraíso intocável, encantador e surpreendente!

[:pt]Fernando de noronha[:]

Ilha de Boipeba/BA

Ah, Ilha de Boipeba!

A ilha é o lugar ideal para desconectar da correria do dia a dia e conectar com a natureza. Aqui a pedida é não ter obrigação de nada e curtir um banho de mar nas águas cristalinas das praias paradisíacas e praticamente desertas.

Em Boipeba encontramos um dos mais importantes biomas para natureza, a Mata Atlântica, e as caminhadas pelas trilhas da ilha é um programa imperdível. Além disto a ilha é composta por extensos manguezais que nos permitem belíssimos passeios de canoa.

Boipeba é uma ilha pacata, porém na vila você encontra uma boa variedade de bares e restaurantes que oferecem pratos típicos da culinária nordestina, uma farta variedade de peixes e frutos do mar.

Se você está em busca de um lugar tranquilo para curtir aquelas “férias de verdade” e relaxar, este paraíso é o destino certo para você!

[:pt]Boipeba[:]

Morro de São Paulo/BA

Outra ilha paradisíaca localizada na Bahia é Morro de São Paulo.

A ilha possui 5 famosas praias com características distintas.

A Primeira é a porta de entrada na Ilha onde tudo acontece, maior parte do comércio se encontra ali. A Segunda é a mais agitada com estruturas de barracas de praia, bons restaurantes, ideal para quem gosta de agito e vida noturna. A Terceira é uma praia calma e tranquila com uma faixa de areia estreita que desaparece quando a maré está alta. Já a Quarta praia é cercada de Mata Atlântica com águas calmas e cristalinas formando lindas piscinas naturais ideal para a diversão da criançada.  Para finalizar a Quinta praia também conhecida como Praia do Encanto, aqui é pura natureza, ideal para quem quer ficar tranquilo em um paraíso quase intocável.

Além das praias, os monumentos históricos da ilha são ótimas opções de lazer – a Fortaleza de Tapirandú de Morro de São Paulo e o Casarão são lugares imperdíveis e ricos em história.

Como podem ver, Morro de São Paulo é um lugar bem eclético que atende a diferentes perfis de viajantes!

[:pt]Morro de São Paulo[:]

Ilha de Marajó/PA

Reconhecida como a maior ilha fluviomarinha do mundo, Marajó é um destino cheio de encantos!

Por ser um lugar banhado pelo oceano Atlântico e pelos rios Amazonas e Tocantins as experiências são infinitas e as paisagens únicas e exuberantes.

Aqui você pode simplesmente curtir um banho de mar, passear de barco pelos igarapés, explorar a região admirando a variedade de aves e peixes típicos desta região.

Além de aproveitar a natureza, um outro local muito visitado pelos turistas são as Ruínas de Joanes localizada na vila histórica, que são lembranças físicas da Igreja Nossa Senhora do Rosário, construída por jesuítas em 1716.

Ah e não deixe de provar o queijo premiado e artesanal de Marajó – produzido 100% com leite de búfala dos rebanhos da região.

[:pt]Ilha Marajó[:]

Ilha do Mel/PR

Na Ilha do Mel você respira natureza e sentirá que está visitando um local intocado pelo homem. Com 25km de belas e tranquilas praias o acesso diário é limitado. Uma grande parte do território é considerado área de preservação pelo IPA e nestas áreas a visitação é proibida contribuindo ainda mais para a preservação do meio ambiente.

Além das paradisíacas praias, outros pontos turísticos de destaque são: o Farol das Conchas – cartão postal e mirante da ilha, a Gruta das Encantadas e o Forte Nossa Senhora dos Prazeres, que são acessados por lindas trilhas, que fazem as caminhadas valerem muito a pena.

[:pt]Ilha do Mel[:]

Ilhabela/SP

Quem disse que no Sudeste não tem ilhas paradisíacas também?

No litoral de São Paulo a charmosa Ilhabela te espera. O destino oferece uma faixa de areias de 40km com praias lindas, piscinas naturais na costa sul da ilha, trilhas que dão em cachoeiras magnificas rodeadas de natureza e lar de aves majestosas, ideal para birdwatching.

Ah e o parque-arquipélago da ilha é um passeio imperdível para adultos e crianças, a maior parte das trilhas da região estão dentro do parque, então se você gosta de caminhadas ecológicas esse refúgio preservado vai te encantar, e não esqueça a câmera, pois animais como macaco-prego, tucano e caxinguelê podem passar por você!

Enfim, esta ilha oferece inúmeras opções de lazer para quem quer aproveitar suas férias!

[:pt]Ilhabela[:]

Qual é a ilha dos seus sonhos?

Que tal já começar a programar suas férias em um desses lugares paradisíacos? Entre em contato com os nossos consultores.


[:pt]museus pelo brasil[:]

Museus Pelo Brasil

Visitar museus é uma das formas mais interessantes e completas para embarcar dentro da cultura de vários lugares, tempos antigos ou conhecer mais sobre o funcionamento das coisas do mundo por meio da ciência e da arte. Passar horas contemplando as obras de artistas renomados é um passatempo cultural maravilhoso e rico, e em alguns museus é até possível interagir com a exposição, o que acaba deixando tudo mais interessante ainda.

O que não falta no Brasil são museus, e existe uma grande variedade que agrada todos os públicos desde adultos até o público infantil.

Separamos nesse post 7 museus espalhados pelo país para que você não deixe de visitá-los durante as suas viagens.

MAC – Museu de Arte Contemporânea de Niterói (RJ)

O MAC é considerado uma das maravilhas arquitetônicas do planeta! Projetado por Oscar Niemeyer, o museu tem um formato que agrada aos olhos, seu formato circular suspenso e a grande rampa avermelhada estão em frente a Baía de Guanabara, o contraste da arte com a paisagem é belíssimo.

O acervo do museu conta com mais de 1.200 obras que fazem parte da coleção João Sattamini, que vão desde itens que exploram o óleo sobre tela até esculturas. O MAC também conta com 369 obras de coleção própria, que foi formada a partir de doações de artistas para fomentar as exposições do local.

No Mac é possível agendar visitas acompanhadas de arte-educadores, deixando a experiência ainda mais completa e rica de conhecimento.

A entrada no museu é paga, mas as quartas-feiras é gratuita para todos.

[:pt]MAC[:]

Instituto Inhotim (MG)

O museu de arte contemporânea, está localizado em Brumadinho, e expõem suas artes ao ar livre em meio a um lindo jardim botânico com mais de 4 mil espécies raras de plantas – o que deixa a experiência ainda mais especial, onde arte e paisagismo andam lado a lado.

O acervo do museu é dividido em 23 galerias, sendo 4 delas compostas por exposições temporárias, que são sempre renovadas para abrir espaço e promover mais artistas. Passeando pelo amplo espaço do museu, você pode contemplar mais de 500 obras, entre esculturas, vídeos, performances, desenhos, fotografias e pinturas vindas de diferentes países e artistas como Helio Oiticica e Adriana Varejão.

O museu dispõe de visitas mediadas, onde você pode aprender mais sobre as obras com o acompanhamento de educadores do instituto.

A entrada no museu é paga e limitada a 500 visitantes por dia, mas na última sexta-feira de cada mês você pode visitar de forma gratuita com retirada prévia dos ingressos.

[:pt]Inhotim[:]

Museu Imperial (RJ)

O Museu Imperial está localizado no centro histórico de Petrópolis, e possui cerca de 300 mil itens, que juntos formam o principal acervo do país relativo ao império brasileiro.

O grande palácio era o refúgio da família imperial e hoje é o paraíso para os amantes de história. Passear pelos salões que preservam os seus pisos originais – de mármore de carrara, mármore belga e madeiras nobres, fazem com que você se transporte para os tempos antigos. Os móveis, objetos pessoais e obras de artes são algumas das relíquias que você poderá apreciar durante a sua visita, e o mais legal é que tudo permanece intacto.

O museu ainda conta com uma biblioteca com arquivos focados na história do Brasil Imperial e de Petrópolis.

Na parte de fora do palácio você pode fazer uma pausa para o café da tarde na cafeteria Duetto’s, caminhar pelos charmosos jardins e até mesmo visitar a loja do museu, onde você pode adquirir lembranças como canecas, camisetas e até miniaturas da coroa de D. Pedro II e a pena da Lei Áurea.

A entrada no museu é paga e limitada.

[:pt]Imperial[:]

Instituto Ricardo Brennand (PE)

Localizado em Recife, o Instituto Ricardo Brennand é um grande espaço onde a arte e cultura histórica andam lado a lado. O local é dividido em áreas e possui uma das mais modernas instalações museológicas do Brasil!

O Museu de Armas Castelo São João abriga mais de 3 mil itens de diversas referências medievais, como armaduras Maximilianas, espadas, tapetes, vitrais, o conjunto de Fuzis pertencentes a Dom Pedro I e Dom Pedro II, pinturas de Blaise-Alexandre Desgoffe e muito mais.

Na Pinacoteca do Instituto, você pode apreciar exposições como Frans Post e o Brasil Holandês”, “O Oitocentos Brasileiro”, “Coleção Janete Costa e Acácio Gil Borsoi” e “O Julgamento de Nicolas Fouquet”. Já na Galeria você encontra mostras itinerantes de artistas pernambucanos, além de esculturas que representam as quatro estações e uma réplica de “O Pensador”, de Auguste Rodin.

O complexo ainda conta com uma biblioteca especializada em arte, história e arquitetura, com a Capela Nossa Senhora das Graças em estilo gótico e um restaurante que serve pratos regionais gourmet.

A entrada no instituto é paga.

[:pt]Ricardo Brennand[:]

MASP – Museu de Arte de São Paulo (SP)

O MASP é considerado como o museu de arte mais importante do Hemisfério Sul. O seu acervo, que é tombado pelo IPHAN, conta com cerca de 10.000 peças, que são divididas em artes antiga e atuais de várias regiões do mundo como brasileiras, africanas, europeias e asiáticas.

O museu em si já é uma obra de arte, tanto que é conhecido com um dos pontos turísticos símbolo de São Paulo, o lugar foi muito bem planejado por Lina Bo Bardi e se tornou um marco da arquitetura do século 20.

As obras expostas no segundo andar do museu são dispostas em cavaletes de cristal espalhados pela sala, com o intuito de levar o visitante a seguir uma narrativa linear, e além das belas pinturas, o visitante pode mergulhar na cultura contemplando esculturas e até roupas.

O MASP realmente é uma parada obrigatória para quem passa pela Avenida Paulista em São Paulo.

A entrada no museu é paga e limitada, mas as terças-feiras você pode visitar de forma gratuita mediante a reserva online.

[:pt]MASP[:]

MON – Museu Oscar Niemeyer (PR)

O MON ou o Museu do Olho como é mais conhecido pelos curitibanos – por conta de seu formato, foi planejado pelo grande arquiteto Oscar Niemeyer e inaugurado em 2002, e é considerado o maior da américa latina, com mais de 17 mil metros de áreas para exposições.

Cerca de 7 mil obras nacionais e internacionais fazem parte do acervo do MON, que estão espalhadas por todo o complexo do museu. Em meio as pinturas, esculturas, fotografias e outros, o visitante ainda pode aprender mais no Setor Educativo, um local dedicado a desenvolver atividades para todos, editar materiais pedagógicos, organiza visitas mediadas e realização de oficinas.

A entrada do museu é paga e limitada

[:pt]MON[:]

Museu da Inconfidência (MG)

O Museu da Inconfidência foi inaugurado em 1944 e ocupa a antiga Casa de Câmara e Cadeia de Vila Rica e é a arquitetura colonial do barroco tardio mais notável de Ouro Preto.

O museu homenageia a história da Inconfidência Mineira através do seu acervo com mais de 4 mil exemplares que são símbolos da vida sociocultural de Minas Gerais dos séculos XVIII e XIX. As exposições contam com móveis e utensílios portugueses, documentos importantes como o volume 7 dos Autos da Devassa da Inconfidência Mineira, vários exemplares relacionados a arte sacra de XVIII e XIX, com artes de Aleijadinho e Mestre Ataíde e outros.

A entrada do museu é paga

[:pt]Museu da Inconfidencia[:]

Bônus – especial para as crianças

Museu da Imaginação (SP)

Museus são locais muito importante para o desenvolvimento principalmente das crianças, e as que estão na primeira infância aprendem mais com a interação e no Museu da Imaginação em São Paulo, o que não faltam são “obras” em que elas podem aprender brincando.

O museu é dividido em 2 espaços: o Lúdico – onde elas aprendem em 12 salas diferentes sobre vários temas importantes para o nosso aprendizado como a água, a música, as cores e formas, as estações do ano, coordenação motora e muito mais.

Já o espaço Expositivo – que expõe para as crianças de forma lúdica e interativa trabalhos de 2 grandes artistas (Leonardo Da Vinci e Piet Mondrian), além de uma exposição dedicada a grandes monumentos da história espalhados pelo mundo, e o mais legal as obras foram feitas por 4 artistas a partir de peças de Cubics.

A entrada no museu é paga e limitada.

[:pt]Museu da imaginação[:]

Gostou dos museus selecionados? Entre em contato com a nossa equipe e planeje um roteiro cultural com a Upack!


[:es]Natureza[:]

Resorts e Hotéis de Natureza - SP

Para fugir do agito da cidade não precisamos necessariamente viajar para destinos tão distantes, muitos estados como São Paulo possuem uma grande oferta de hotéis com temática voltada ao contato com a natureza. Esse estilo de hospedagem é perfeito para viagens em família, a criançada adora e os adultos também, afinal todo mundo merece uns dias “off”, e o distanciamento das telas é a pedida!

Ah, mas não pense que por serem hospedagens mais de campo/rural, que você vai perder no conforto! A preocupação com os detalhes fazem parte do dia a dia desses lugares, quartos bem equipados, restaurantes com grande uma variedade de comidas deliciosas combinado com uma excelente infraestrutura de lazer vão encantar a sua família!

Nesse post separamos 7 opções de resorts e hotéis de natureza nos arredores de São Paulo para você escolher a melhor opção para sua próxima viagem!

Hotel Fazenda Dona Carolina (Itatiba)

São 100 hectares que misturam história e natureza! Cercado por uma área de preservação ambiental da Mata Atlântica, a fazenda possui mais de 100 anos de história e o hotel – que é um casarão antigo, foi todo restaurado para garantir conforto, luxo e sofisticação aos hospedes.

Aqui você encontra atividades para toda a família como passeios a cavalo pela propriedade, pescaria e caiaque no grande lago, tirolesa, arvorismo, e muito mais!!!

Para os adultos, conhecer o processo de produção de café e cachaça da própria fazenda é uma experiência inusitada e cultural.

[:pt]Dona Carolina[:es]Dona Carolina[:]

Santa Clara Eco Resort (Dourado)

Com uma área verde de 360 hectares e uma estrutura completa de lazer para crianças e adultos, o Clara Resorts é a melhor opção em Dourado. Piscinas, quadras, hípicas e diversas atividades de aventura fazem parte da diversão diária do resort.

O resort também tem um espaço com uma mini fazenda, onde as crianças podem vivenciar como é ordenhar as vaquinhas, e assim aprender de forma divertida o processo do leite. A fazenda do local também fornece alguns ingredientes que são utilizados em diversos dos pratos servidos no restaurante, tudo fresquinho tirado direto da horta, onde também é possível conhecer passeando pela propriedade.

[:pt]Santa Clara[:es]Santa Clara[:]

Clara Resort (Ibiúna)

 

O Clara Resort Ibiúna pertence ao mesmo grupo que o Santa Clara Eco Resort. Localizado as margens da represa de Itupararanga o hotel possui apartamentos modernos e sofisticados com vistas deslumbrantes.

O atendimento é exclusivo! O SPA é L’Occitane (não incluso na diária), o restaurante oferece um menu personalizado. A piscina do hotel está estrategicamente localizada em frente a represa com borda infinita.

O hotel é ideal para família que buscam desconectar e curtir diferentes atividades já que por lá você encontra muitas opções para relaxar e para movimentar.  Na água a diversão é garantida com stand-up paddle, pesca, wakeboard, esqui aquático, caiaque e até lancha. Na terra você pode fazer passeios a cavalo, bicicleta pelas trilhas, ou testar a sua mira em um divertido jogo de arco e flecha. Para a criançada a diversão se estende pelo grande circuito aéreo e pela brinquedoteca indoor onde eles aproveitarem com os monitores enquanto os pais podem relaxar.

[:pt]Santa Clara[:]

Hotel Vila Rossa (São Roque)

A 50 minutos de São Paulo, o hotel Vila Rossa está em meio a Mata Atlântica, e é o refúgio perfeito para quem procura contato com natureza, ar puro e muito conforto.

A enorme infraestrutura do hotel proporciona momentos especiais principalmente para as famílias, com as diversas atividades de lazer espalhadas pelo complexo. Lago com pedalinho, 3 piscinas, tirolesa, quadras, playground e muito mais.

E depois de um dia cheio de atividades nada melhor para os adultos do que aproveitar os serviços de SPA oferecidos no hotel.

[:pt]Villa Rossa[:es]Villa Rossa[:]

Hotel Fazenda Mazzaropi (Taubaté)

O hotel tem uma temática toda volta para a família e principalmente para os pequenos. Arvorismo, piscinas, passeios a cavalo, lago para pescar e passear de pedalinho, teatro e circo para animar ainda mais os pequenos, trenzinho para conhecer toda a área verde da fazenda com muito estilo.

E que tal depois de se deliciar com um almoço típico de fazenda ir alimentar os coelhos na fazendinha?

E enquanto as crianças brincam com a equipe de recreação, os adultos podem conhecer a cachaçaria da propriedade, o museu do Mazzaropi (que dá nome ao hotel) ou relaxar em uma das deliciosas saunas espalhadas pelo hotel.

[:pt]Mazzaropi[:es]Mazzaropi[:]

SPaventura Ecoresort (Ibiúna)

Mais de 300 hectares de diversão em meio a natureza é o que sua família vai encontrar no SPAventura! A propriedade oferece atividades para todas as idades, 35 km de trilhas ecológicas para os que amam aproveitar a natureza ao redor de belas paisagens, lago para esportes aquáticos, bicicletas para conhecer a propriedade de forma divertida e otimizada, piscina para refrescar e muito mais!

Os destaques desse lugar, são os quartos que são feitos de madeira ecológica e o solário – que é perfeito para passar um final de tarde mais tranquilo, só apreciando a natureza.

[:pt]SPaventura[:es]SPaventura[:]

Fazenda Santa Vitória (Queluz)

A fazenda foi lugar de cultivo de cana e café e hoje em dia além de ser uma hospedagem toda voltada a vida de campo com conforto também é produtora de leite. O contato com a natureza e paisagens dignas de fotografia são o que você e sua família vão encontrar na Santa Vitória.

Passeios a cavalo ou bicicleta são ótimas pedidas para conhecer mais da propriedade em suas trilhas. Você também pode aproveitar renovar as energias em um delicioso banho de cachoeira, mas se preferir uma piscina não se preocupe, lá você encontra uma deliciosa piscina com água natural!

Salão de jogos e quadra de tênis são espaços para você se divertir ainda mais, e para relaxar nada melhor que uma sauna e um caldário com água aquecida à lenha.

[:pt]Santa Vitoria[:es]Santa Vitória[:]

Gostou das sugestões? Então entre em contato e conheça essas e outras opções de lazer ao ar livre com a Upack!


Pantanal

Pantanal 

A maior planície inundável do mundo reserva experiências únicas e muito especiais! O bioma do Pantanal possui mais de 80% da cobertura original preservada, e este é um dos motivos pelo qual é considerado Patrimônio Natural da UNESCO. A sensibilidade e peculiaridade da região pantaneira são encantadoras!

O Pantanal é dividido em 2 regiões, Sul (Pantanal Menor) e Norte (Pantanal Amazônico), ambos oferecem atividades de contato absoluto com a natureza. Em uma viagem para o Pantanal você tem a oportunidade de se deixar levar pelas paisagens deslumbrantes, observar uma diversidade de animais, apreciar a culinária pantaneira que é riquíssima e interagir com a população que habita este local espetacular.

Flora e Fauna

Por ser um bioma que faz fronteira com a região amazônica e o cerrado, a vegetação do Pantanal não é homogênea. A paisagem é formada por gramíneas, árvores de grande, médio e baixo porte, e também por plantas aquáticas como aguapés, erva-de-santa-luiza e salvínia.

Além da diversidade de vegetação, o Pantanal possui uma das faunas mais ricas do planeta, formada por várias espécies de peixes, répteis, mamíferos, anfíbios e aves.

O local é um paraíso para birdwatching! Cerca de 650 espécies de aves vivem nesta região. O grande Tuiuiú que é símbolo do Pantanal, as majestosas Araras-Azuis e os belos Tucano-toco ajudam a colorir ainda mais a atmosfera do destino.

Nos rios e lagoas o que não faltam são peixes, são mais de 200 espécies. As curiosas Ariranhas e os Jacarés também fazem parte do cenário.

Durante os seus safáris você vai se deparar com répteis e uma variedade de mamíferos, como o Veado Campeiro e a famosa Onça Pintada, que é a espécie mais buscada pelos visitantes durante os passeios por ser o maior felino das Américas.

Atividades 

“O que fazer no Pantanal?” Bom, opção é o que não falta!

O destino tem um ritmo próprio e as atividades o seguem, por isso esteja preparado para fazer passeios que durem o dia todo.

Ah, para a observação dos animais, principalmente das famosas onças, tem que ter um pouco de paciência. Elas são um pouco “tímidas”! Mas não se preocupe porque você não vai ficar entediado, enquanto espera o seu guia vai te passar um monte de informações e curiosidades superbacanas e você sair desses passeios quase um “expert” sobre a região.

A navegação é uma das melhores formas para conhecer o destino. Ao barcos e voadeiras possibilitam a saída em pequenos grupos bem exclusivos para realização de trilhas, observação da fauna e flora, banhos de rio, interação com a comunidade ribeirinha, contemplação do pôr do sol, dentre outras atividades.

Seja por terra ou pela água explorar a região é uma experiência única!

Hospedagem 

Imagine acordar e ao abrir a janela se deparar com uma imensidão verde, com o sol refletindo no rio! Realmente é um presente para os nossos olhos!

No Pantanal você tem a opção de hospedar em pousadas, fazendas ou realizar cruzeiros.  Existem algumas acomodações mais “charmosas”, mas no geral a infraestrutura é simples. Aliás a simplicidade é uma característica singular da região, e a atenção aos detalhes e a hospitalidade do povo pantaneiro fazem com que esta vivência seja inesquecível.

Dica: A melhor época para conhecer o Pantanal é de julho a outubro, por ser uma temporada com um clima mais ameno e com menor possibilidade de chuvas.

Esperamos que esse post tenha deixado você ainda mais curioso para conhecer esse destino!

Entre em contato com os consultores da Upack para planejar a sua viagem em uma das regiões mais belas de nosso pais!


[:pt]Campos do Jordão[:]

Campos Do Jordão

Campos do Jordão é um dos destinos do Brasil mais procurados por turistas para passar a temporada de inverno com muito estilo. A encantadora cidade da Serra da Mantiqueira é repleta de atrativos para toda a família! Com um ar aconchegante, Campos é o destino perfeito para que quer fugir do agito da cidade grande e ao mesmo tempo contemplar lindas paisagens bucólicas.

A “Suíça Brasileira” como é conhecida possui uma arquitetura encantadora baseada no estilo enxaimel, que mescla perfeitamente com as montanhas da região deixando todo um charme pelas ruas da cidade. O clima de Campos convida os turistas a provarem os deliciosos fondues e as sopas no pão, que são marcas registrada na gastronomia da região, não deixe de saborear essas delícias durante a sua visita.

Agora vamos falar um pouco sobre os lugares imperdíveis de Campos do Jordão? Separamos algumas paradas obrigatórias que você não pode deixar de fora do seu roteiro. Vamos lá?!

Vila Capivari

O bairro é considerado um dos pontos turísticos mais queridos de Campos do Jordão. A Vila e “ponte” para locais importantes da região, como o famoso Teleférico do Parque Capivari que leva o turista em uma cadeirinha até o alto do Morro do Elefante (1.800mts). Do local é possível ter uma vista privilegiada da Vila Capivari além de diversas montanhas da região.
Lojinhas, restaurantes e bares também são paradas obrigatórias da Vila Capivari, e falando em bar não deixe de visitar a cervejaria Baden Baden, a casa oferece cervejas artesanais premiadas feitas na região e pratos típicos da Alemanha.

Curiosidade: O Morro do Elefante tem esse nome, pois as curvas que a montanha forma lembram muito a tromba do animal.

[:pt]Capivari[:]

Parque Amantikir

Se você é amante de flores, você vai se apaixonar pelo Amantikir, o parque conta com 28 jardins e mais de 600 espécies de plantas de vários lugares do mundo espalhados pelos seus 60.000 m². Além de relaxar, tirar boas fotos e explorar os diversos pontos de interesse que o parque oferece, você ainda pode se aventurar tentando achar a saída dos 2 labirintos presentes no local.
O Amantikir é realmente para toda a família, então se você estiver visitando Campos com o seu cachorro, saiba que eles são muito bem-vindos no parque (o uso da guia é obrigatório).

Dica: O parque oferece passeios guiados feitos sob demanda sem custo adicional (não necessita de agendamento).

[:pt]Parque[:]

Parque Estadual de Campos do Jordão (Horto Florestal)

Que tal um dia só com atividades que envolvam a natureza? O Horto florestal de Campos é uma remanescente da Mata Atlântica que oferece 30 atrações! No parque você encontra opções de trilhas com diferentes níveis de intensidades, passeio de trenzinho com guiamento para conhecer melhor o horto, passeio de pedalinho no lago e muito mais.
E depois de tantas atividades nada melhor que fazer um piquenique! No próprio parque você pode adquirir a sua cesta e aproveitar (mais) um momento especial em meio a natureza.

Dica: No parque você pode fazer a locação de bicicletas.

[:pt]Horto Florestal[:]

Museu Felícia Leirner

O museu é um grande jardim ao ar livre com 85 obras esculpidas em cimento branco, bronze e granito. Cada obra tem a sua singularidade e representa as várias fases da trajetória da escultora que dá nome ao museu.
O Auditório Claudio Santoro também está presente no local, e ele é palco dos famosos concertos dos Festivais de Inverno de Campos do Jordão. Se você é um apreciador de músicas clássica, jazz, blues e rock não pode deixar de visitar o local em julho, que é quando ocorre o festival.

[:pt]Museu[:]

Gostou? Quer conhecer esses e outros lugares imperdíveis de Campos do Jordão? Então entre em contato com um dos consultores Upack e programe a sua viagem de inverno.


[:pt]Natal[:]

O Que Visitar Em Natal

Dunas, praias e lagoas são alguns dos atrativos que a capital do Rio Grande do Norte tem para te oferecer! Em meio a uma costa atlântica com mais de 400 km de extensão, Natal é a lugar ideal para quem ama um destino de sol e praia.

Com muita animação durante o dia e uma vida noturna ativa, você vai se apaixonar por esse paraíso do nordeste brasileiro! Natal tem entretenimento para todo o estilo de turista, desde os que buscam só relaxar até os que adoram mergulhar em atividades mais agitadas.

Além da grande diversidade de passeios que você só encontra em Natal, não podemos deixar de mencionar a estrutura gastronômica local. Você sempre vai encontrar uma variedade de restaurantes e bares com comidas típicas do Rio Grande do Norte próximo dos atrativos. Você não pode deixar de provar a tapioca, carne de sol, cuscuz, feijão-verde e muito mais….

Nesse post separamos alguns pontos turístico na capital Potiguar e arredores que são imperdíveis:

Praia Ponta Negra – A principal praia de Natal é considerada uma das mais bonitas e visitadas da região, além da bela paisagem o mar é tranquilo sendo perfeito para famílias com crianças. O ponto alto de Ponta Negra fica ao sul de toda sua extensão, onde está localizado o Morro do Careca (a duna mais famosa de Natal). Com mais 100 metros de altura, a duna contrasta com a vegetação ao redor formando um dos cartões postais da cidade.

Curiosidade: até um tempo atrás era possível subir e praticar alguns esportes no Morro do Careca, mas estas atividades estavam prejudicando as dunas e a mata nativa ao redor, por isto atualmente o visitante pode apenas contemplar o Morro.

[:pt]Ponta negra[:]

Dunas de Genipabu – As dunas de Genipabu ficam espalhadas pela praia de mesmo nome, e é o lugar onde os famosos passeios de Buggy acontecem. Entre subidas e descidas você se perde na imensidão das dunas douradas conhecendo praias e lagoas da região.

Atenção: é muito importante fazer a atividade com empresas e profissionais credenciados, assim você faz um passeio seguro e cheio de emoção. Saiba mais dicas de segurança com a nossa parceira: ONG Férias Vivas.

[:pt]Genipabu[:]

Lagoa de Pitangui – Localizada a 25km de Natal a Lagoa do Pitangui é cercada por dunas.  La você encontra diversas atrações, mas também pode aproveitar apenas para relaxar nas redes que ficam dentro da lagoa. O local conta com uma excelente infraestrutura, muitas opções de bares e restaurantes que oferecem uma variedade de petiscos e pratos típicos da região.

Dica: Você pode incluir como uma parada no seu passeio de Buggy de Genipabu.

[:pt]Lagoa Pirangui[:]

Parque da Cidade Dom Nivaldo Monte – Que tal um passeio sem areia? Natal não é somente praia. O parque da cidade é a parada ecológica perfeita para quem gosta de atrações culturais e de lazer ao ar livre. O lugar foi projetado por Oscar Niemeyer e o seu nome foi dado em homenagem a Nivaldo Monte (antigo Administrador Apostólico de Natal).

Pelos 136 hectares do parque você vai encontrar atividade para toda a família: 9 trilhas – divididas entre 5 pavimentadas e 3 naturais, um mirante para a cidade com 45 metros de altura, museu e biblioteca para os amantes de arte e história com acervos regionais.

Dica: No parque há opção de alugar bicicletas, então se você gosta de pedalar, explore o espaço dessa forma “otimizada”.

[:pt]Parque da cidade[:]

Cajueiro de Pirangi – Conhecido como o maior cajueiro do mundo, essa atração encanta adultos e crianças, a grandiosidade da árvore é impressionante. O gigante tem mais de cem anos e em tempos de safra chega a produzir mais 70 mil frutos. É realmente incrível! O passeio guiado é feito em passarelas no meio das grandes raízes e durante o percurso você ainda encontra placas com curiosidades do local. Para ter uma noção ainda maior da dimensão do cajueiro, em cima de uma das copas está o mirante, que proporciona uma visão privilegiada e ampla da árvore.

Dica: entre os meses de novembro e janeiro o cajueiro da frutos, o que deixa o entorno das passarelas coloridos e com um cheirinho característico do fruto.

[:pt]Cajueiro[:]

Lagoa do Carcará – Há apenas uma hora de Natal, a Lagoa do Carcará, cristalina e em tom azul fará você vai se sentir no paraíso. Além de nadar, você pode andar de pedalinho ou stand-up paddle. Por ser mais tranquila que as demais lagoas da região, Carcará é perfeita para as crianças e para quem quer “fugir” um pouquinho dos lugares mais badalados. Ao redor da lagoa você encontra bares e restaurantes.

[:pt]carcará[:]

Que tal conhecer esses e outros pontos incríveis de Natal pessoalmente?

Entre em contato com a nossa equipe! Programe sua viagem com a Upack!


[:pt]Maraú[:]

Península de Maraú

Localizada no litoral Sul da Bahia a região da Península de Maraú é paradisíaca! As praias de águas cristalinas e as belíssimas faixas de areia dourada enfeitadas com os longos e exuberantes coqueiros são o cartão postal da Península. Além das praias você também encontra trilhas, ilhas, arrecifes, mirantes e muito mais!

O destino é singular, com Vilas de Pescadores charmosas, hotéis, pousadas e restaurantes a beira mar, e tudo com toda a simplicidade e conforto que “Polinésia Brasileira” tem para oferecer. E apesar de Maraú ter uma boa variedade de lugares para se visitar espalhados por toda a sua extensão, é possível conhecer e aproveitar um pouco de cada um em no mínimo uma semana, por conta da proximidade dos atrativos.

 

Venha descobrir um pouquinho mais da Península de Maraú com a gente!

A praia mais conhecida de Maraú é Taipu de Fora, ela é muito procurada pois nela se encontram algumas das mais bonitas piscinas naturais da Bahia. Os arrecifes e corais encantam crianças e adultos.

[:pt]Taipu[:]

Para os fãs das piscinas naturais, a Península de Maraú oferece outra opção. Na Praia de Algodões você pode explorar a vida marinha de forma divertida, as águas em tons azulados deixam o cenário subaquático ainda mais magnifico para os olhos. Então não esqueça o seu snorkel!

Maraú é um destino para relaxar e curtir a natureza, e se você está em busca de sossego então a Praia do Cassange será a sua parada favorita! A praia tem todo um diferencial por estar entre o mar e a Lagoa do Cassange. La você pode escolher se prefere um banho de água salgada, doce ou aproveitar as duas opções.

[:pt]cassange[:]

Ainda falando de atrações de água doce, a Lagoa Azul é mais uma queridinha em Maraú. Localizada próxima a Taipu de Dentro a atração encanta com a transparência da água. Ah e se prepare para se apaixonar pelos peixinhos curiosos que irão te recepcionar.

Agora se você prefere uma boa cachoeira, Maraú também é para você! A cachoeira do Tremembé com 5 metros de altura e 30 de largura, é um ponto turístico muito visitado na região. A vista é feita de lancha o que deixa a sua experiência ainda mais completa, a queda da cachoeira é límpida e perfeita para recarregar as energias.

[:pt]cachoeira[:]

Para finalizar não podemos deixar de mencionar as 5 ilhas mais conhecidas da Península: as ilhas do Campinho, Sapinho, Goió, Ilha do Tanque e Pedra Furada. Todas elas podem ser visitadas e cada uma tem o seu diferencial, mas todas encantam igualmente com as paisagens perfeitas para tirar lindas fotos e para mais um delicioso banho de mar.

A Península do Maraú é o não é um destino dos sonhos?

Então não perca tempo, entre em contato e monte o seu roteiro personalizado com a Upack!


O Que Visitar Em Curitiba

A capital do Paraná é uma das cidades mais visitadas do sul do Brasil. Conhecida pelas áreas verdes preservadas e pelo planejamento urbano, Curitiba encanta a todos. A cidade tem uma diversidade de influências vindas de imigrantes como poloneses, italianos, ucranianos e alemães que deixaram um pouco da sua história enraizada pelos bairros curitibanos, e em boa parte das atrações turísticas você consegue observar um pedacinho de cada cultura.

Em cada cantinho de Curitiba você encontra atividades para toda família, sendo a maioria delas ao ar livre para você poder aproveitar ao máximo a beleza da cidade, e nesse post separamos 08 pontos imperdíveis para você conhecer na sua próxima viagem.

Jardim Botânico (Francisca Richbieter) – Este cartão postal de Curitiba é um dos pontos turísticos mais visitados da cidade. Inaugurado em 1991 o jardim encanta com o seu extenso tapete de flores, que colorem desde a entrada do local até a famosa estufa de vidro e metal (inspirada no Palácio de Cristal de Londres) que abriga uma diversidade de exemplares da flora brasileira.

[:pt]Jd Botanico[:]

Parque Tanguá – O parque é dividido em duas partes. Na parte de cima temos o mirante onde a vista para a cidade é privilegiada, o lindo lago artificial e os jardins franceses que completam a beleza do local. Já na parte baixa do parque você pode observar as cascatas artificiais que formam um enorme lago que podem ser apreciados do restaurante. O Parque oferece um dos pôr de sol mais bonitos de Curitiba, então vale a visita no final da tarde.

[:pt]tangua[:]

Opera do Arame – Um teatro em meio ao complexo de pedreiras de Curitiba. Sua estrutura tubular e teto de vidro oferecem uma elegância ímpar ao local.  Chegando no atrativo você passa por uma passarela toda vazada onde é possível observar o lago abaixo. Um mini palco sobre a água em frente ao restaurante recebe apresentações ao vivo. O teatro tem capacidade de acomodar mais de 1.000 pessoas e é uma ótima opção de passeio.

[:pt]OPERA[:]

Museu Oscar Niemeyer – Com 35 mil meros quadrados o museu é considerado o maior da américa latina. O MON ou o Museu do Olho como é mais conhecido pelos curitibanos (por causa de seu formato) está dividido em diversas galerias onde são expostas mais de 6 mil obras nacionais e internacionais, que fomentam a arte e a cultura da região.

[:pt]blog[:]

Bosque Alemão – Uma boa opção para visitar com as crianças. Com 38 mil metros quadrados o bosque foi criado para homenagear a cultura e tradições alemã da região. Ao caminhar pelo bosque você encontra placas espalhadas que contam a história de João e Maria (que foi escrita pelos irmãos alemães Grimm). Dentro do bosque você não pode deixar de parar na biblioteca infantil Casa Encantada.

[:pt]bosque alemão[:]

Memorial Ucraniano – No Parque Tingui um dos mais populares da região, o memorial homenageia a comunidade ucraniana em Curitiba. O ponto alto do local é a réplica da Igreja São Miguel Arcanjo que foi construída pelos imigrantes em Mallet. No interior da réplica você pode aprender mais sobre a cultura ucraniana e conhecer a história por trás dos monumentos construídos ao redor do memorial (Pêssanka e ao Holodomor).

[:pt]Memorial Ucraniano[:]

Memorial Polonês – Dentro do Bosque do Papa João Paulo II (bosque feito em homenagem a visita do Papa que era polonês), no memorial você encontra uma mini vila com 7 casas de estilo polonês feita com troncos de pinheiros. Dentro das casas há exposições de moveis antigos, obras de artes e homenagem a figuras importantes da Polônia.

[:pt]Polonês[:]

Restaurante Madalosso – Localizado no bairro Santa Felicidade, o restaurante se tornou um ponto turístico na cidade. Considerado o maior restaurante da América Latina, o local oferece uma diversidade de pratos focados na culinária italiana (pincipalmente da região de Vêneto), como polenta frita, risotos e massas que são o ponto alto do restaurante.

[:pt]Madalosso[:]

Curitiba é o lar de dos atrativos culturais, e conhecê-los pessoalmente é uma experiência incrível, então não perca tempo, entre em contato e venha planejar a sua visita com a Upack.


[:pt]balão[:]

Experiências Incríveis Pelo Brasil

Novas experiências são momentos memoráveis que levamos para toda a vida, e uma viagem é o momento ideal para ter a oportunidade de experimentar coisas novas.  Em cada cantinho do Brasil temos destinos espetaculares para você apreciar de um jeito completamente diferente! Seja na água, no ar ou na terra, o que não faltam são atividades que fogem da nossa rotina e que nos colocam para aprender coisas novas, desafiar alguns medos e ter pontos de vista diferentes.

Nesse post separamos algumas experiências incríveis pelo Brasil, para você visitar os pontos turístico com estilo.

Nas Alturas:

SkyGlass – Em Canela/RS você pode vivenciar uma experiência diferenciada! Andar pela maior plataforma de vidro do mundo, é para os corajosos. A gigante estrutura em aço e vidro oferece uma vista de tirar o fôlego a 360 metros do Rio Caí. Agora se você gosta de uma adrenalina maior o Abusado vai ser sua atividade favorita, ele é um monotrilho que passa pela parte de baixo da plataforma, e nele você vai sentir a sensação de estar flutuando enquanto da uma volta pelo ar sentado.

[:pt]Blog[:]

Passeio de Balão – Se você é um turista amante de altura e paisagens paradisíacas, passear de balão em Praia Grande/RS é uma atividade que você não pode deixar de fazer. O passeio que dura em média 35 minutos, te proporciona uma vista privilegiada dos Canyons de Aparados da Serra e da Serra Geral, além da vista para a planície litorânea e a pequena cidade de Praia Grande. É um tour memorável pela região.

[:pt]BLOG[:]

Escalada Experimental – Já imaginou conhecer o Rio de Janeiro do alto de uma montanha? Com uma aula experimental de escalada é possível! Alguns morros do Rio são preparados para receber pessoas curiosas sobre escalada, e acompanhados de um Instrutor profissional e credenciado, a diversão e segurança escalam lado a lado com você. A atividade é para adultos e crianças que depois de um treinamento estão preparados para o explorar e começar a se apaixonar pela atividade.

[:pt]Blog[:]

Nas Águas:

Cruzeiro de Rio – Viajar para a Amazônia é o sonho de todo turista que ama natureza. A biodiversidade que encontramos na Floresta Amazônica só mostra como a nossa floresta é autêntica. Se hospedar em hotéis de selva já é uma experiência incrível, mas que tal se hospedar em um cruzeiro que além de te oferecer toda a comodidade de um hotel, ainda te proporciona uma navegação tranquila e relaxante sobre as águas do Rio Negro e Solimões, com atrações imperdíveis.

[:pt]blog[:]

Rafting nas Cataratas – As quedas d’água das Cataratas do Iguaçu/PR são fascinantes e observá-las é um passeio de contemplação inesquecível, mas nada melhor que conhecer essas gigantes de pertinho e de um jeito bem mais animado. Combinando aventura e emoção é possível fazer um passeio pelas águas cristalinas do Rio Iguaçu.

[:pt]blog[:]

Flutuação – Bonito/MS oferece muitas atrações que envolvem o contato direto com a natureza, mas com certeza a flutuação é uma das atividades mais procuradas da região. Se deixar levar pelas suaves correntes dos diversos rios da região, enquanto avista várias espécies de peixes e plantas subaquáticas.

[:pt]bonito[:]

Na Terra:

Birdwatching – Em alguns lugares do Brasil o birdwtching é uma atividade popular. Regiões de natureza vasta como a Serra da Canastra/MG são habitats que as aves amam estar. Com um grupo pequeno de “exploradores” acompanhados de um guia especialista você vai avistar as mais diversas espécies de aves que “posam” para as câmeras e param na direção dos seus binóculos como se soubesse que você está ali somente por elas.

[:pt]blog[:]

PETAR – O Parque Estadual Turístico do Alto Ribeira mais conhecido como PETAR ou Parque das Cavernas é um dos pontos turísticos mais diferentes do Estado de São Paulo, com mais de 300 cavernas. Apesar de somente 12 delas estarem abertas para a visitação a experiência de conhecer uma caverna por dentro é única, cada uma com o seu diferencial, seja os grandes salões, as cachoeiras, os diferentes e curiosos espeleotemas, os abismos, as estruturas molhadas e secas, enfim cada detalhe faz o passeio ser maravilhoso.

[:pt]blog[:]

Safári – Quem disse que só na África é possível fazer safáris? Aqui no nosso Jalapão as jornadas para desbravar a natureza são feitas no estilo dos safáris africanos. Dentro de veículos 4×4 com mirantes é possível contemplar a natureza de vegetação típica do cerrado. Além disso, por ser a região inóspita de difícil acesso, é possível pernoitar em acampamentos muito bem estruturados proporcionando uma experiência autêntica em contato com a natureza.

[:pt]blog[:]

Gostou dessas experiências diferentes? Então entre em contato com a nossa equipe e vivencie essas e outras atividades pessoalmente.


Destinos Gastronômicos

Uma das melhores partes de viajar para outros lugares, é a oportunidade de apreciar as peculiaridades da culinária e da cultura de cada região. A gastronomia é um tópico muito valorizado, e cada vez mais percebemos como as viagens desse segmento vêm crescendo.

Muitos destinos são tão conhecidos por sua culinária, que fica até impossível não associá-los com um prato típico.

Nesse post separamos alguns destinos que são famosos pela culinária marcante, e que valem um tour gastronômico quando você for visitá-los.

Nacionais:

Bahia – Um dos destinos nacionais mais famosos por sua gastronomia rica em frutos do mar e muito saborosa. Se você é amante de peixes a culinária da Bahia vai te encantar, mas não pense que para por aí, o estado é considerado o rei dos temperos, dos acarajés e das famosas garrafas do azeite de dendê que é muito utilizado no preparo das moquecas (um dos pratos mais apreciados na região).

Ah, e quando o assunto é doce os quindins, baba-de-moça e o pudim de tapioca não podem ficar de fora.

[:pt]moqueca[:]

Minas Gerais – A culinária de Minas é apreciada pela maioria dos turistas. Com uma diversidade de pratos típicos o estado não deixa a desejar, e com certeza pelo menos um vai te agradar. Como não falar da região e não lembrar do querido pão de queijo, a marca registrada de Minas. Os queijos mineiros são muito saborosos e ficam melhores ainda acompanhados de um bom doce de leite.

Além das iguarias feitas a partir do leite, a culinária regional agrada nos pratos salgados: feijão tropeiro, as polentas de fubá e milho verde que sempre estão acompanhadas do frango caipira. Ainda o torresmo e a pururuca são receitas que fazem parte da gastronomia de Minas.

[:pt]feijão tropeiro[:]

Rio Grande do Sul – Muito lembrado pelo churrasco de chão e chimarrão, o estado esbanja sabores com seus pratos bem completos. A carne de charque é um dos alimentos mais consumidos na região, e é base de alguns pratos famosos como o arroz carreteiro.

Na hora da sobremesa a cuca é a estrela, um pão doce com diversas opções de recheios é um dos doces de origem alemã mais preparados no Rio Grande do Sul.

[:pt]chimarrão[:]

Internacionais:

México – A gastronomia do México é tão admirada, que foi a primeira ser reconhecida como Patrimônio Internacional da Humanidade pela Unesco. Mistura de sabores e texturas são as especialidades da culinária mexicana, além da boa pimenta que está presente na maioria dos pratos. A tão querida guacamole é o “purê” mais apreciado e tradicionais da região, que acompanhados dos nachos formam a combinação perfeita. Falando em tradição o chili, as tortillas e os diferentes burritos são uma explosão de sabores tendo opções com queijo, feijão, vegetais e carnes que agradam os diversos paladares.

Para os adultos a tequila do México é uma das mais populares e vale a degustação.

[:pt]guacamole[:]

Peru – Vencedor do prêmio de melhor destino culinário do planeta em 4 anos consecutivos, tem uma culinária colorida e muito saborosa. O Ceviche iguaria feita de peixe branco cru, coentro, cebola roxa, pimenta, sal e limão é um prato bem popular e reconhecido como patrimônio cultural do País. Chincha morada é uma bebida feita de milho roxo, frutas e especiarias, é bem diferente, mas vale a experiência. Falando em milho o Peru possui mais de 30 variedades de milho, com cores e tamanhos diferentes, mas não é só ele, as batatas peruanas também são bem diversificadas, e não é à toa que muitos pratos levam esses vegetais.

Para completar, o arroz doce peruano, ou melhor o arroz zambito faz sucesso entre os turistas assim como o luspiro de limenã, sobremesas clássicas e deliciosas.

[:pt]morada[:]

Itália – O destino onde você come bem! Diferentes tipos de massas são o “carro chefe” de cada região que tem o seu jeitinho particular de preparar os pratos, mas todos são muitos saborosos. O país também é um excelente produtor de frios e queijos como os famosos gongorzola, grana padano, brà e mozzarella di búfala que são apreciados no mundo todo. As carnes fazem parte da história italiana e são base para muitos pratos típicos e a lasanha é um deles. Temos ainda que mencionar as pizzas, as melhores do mundo!

Não podemos esquecer dos gelattos que são considerados um dos melhores sorvetes do mundo e do Tiramisú a sobremesa típica italiana feita de café e mascarpone.

[:pt]pizza[:]

Viu com a comida também move o turismo? Quando o assunto é gastronomia um post é pequeno demais para compartilhar as delícias de cada destino, então venha provar pessoalmente em uma viagem gastronômica com a Upack. Entre em contato com a nossa equipe e planeje a sua viagem!